Amiguinhos

Pesquisar neste blogue

segunda-feira, 5 de julho de 2010

♥ Nascer em casa...

A segurança do parto em casa face ao parto hospitalar foi alvo de um estudo realizdo nos EUA que avaliou dados de mais de 500 mil nascimentos, ocorridos em vários países da América do Norte e Europa. A principal conclusão é que o risco de morte é maior para o bebé quando o parto é planeado para acontecer em casa (0,2 por cento) do que quando se planeia dar à luz no hospital (0,1 por cento).

O facto de não analisar o local onde o bebé nasce realmente, mas sim o local planeado acaba por ser determinante para este resultado, porque uma complicação que leva à transferência para o hospital também poderia ocorrer se a mulher tivesse planeado um parto hospitalar.


Os investigadores deste estudo, defendem, no entanto, que quando ocorre uma complicação num parto em casa e o bebé é transferido e acaba por morrer, essa morte deve ser contabilizada nos números do parto domiciliário e não do parto hospitalar.

No Reino Unido, onde a opção pelo parto domiciliário tem sido encorajada pelo ministério da saúde, os números ainda são baixos para se poder tirar conclusões. O presidente do Colégio da Especialidade de Obstetrícia e Ginecologia, Sabaratnam Arulkumaran, afirmou, confrontado com os resultados deste estudo, que um bom sistema de selecção das mulheres que têm condições para optar por um parto em casa, por um lado, e a garantia de que todas as parteiras que acompanham partos no domicílio estão bem preparadas para manobras de reanimação, por outro, podem fazer reduzir os riscos para o bebé.

O estudo concluiu ainda que as mulheres sofrem menos lacerações, têm menos intervenções e recuperam mais rapidamente quando o bebé nasce em casa.


1 comentários:

A vida ao pormenor disse...

Olá.
Acho muito interessante estes temas que colocas no teu blog.
Vou passar por cá mais vezes ;)
Sequiseres faz uma visita ao meu também!
avidaaopormenor.blogspot.com
Bjks

 

Blog Template by YummyLolly.com