Amiguinhos

Pesquisar neste blogue

quinta-feira, 4 de novembro de 2010

♥ Banco de leite materno

O Banco de Leite Humano da Maternidade Dr. Alfredo da Costa (MAC) está a recolher leite de 70 dadoras, com o qual consegue alimentar, em média, 20 bebés prematuros por mês.
Durante o primeiro ano de funcionamento do Banco de Leite, a resposta solidária das mães que amamentam tem sido grande. De tal forma que excedeu as expectativas daquela unidade e permitiu que a MAC doasse, por sua vez, leite materno a outras unidades, como tem sido o caso do Hospital Amadora-Sintra.
Israel Macedo, responsável por este serviço da MAC, explicou à agência Lusa que, neste momento, são realizadas «duas pasteurizações por semana e existe necessidade de passar a três. Em cada pasteurização tratamos nove litros de leite, ou seja, por mês estamos a processar uma média de 70 litros».
A MAC providencia a vigilância das condições de saúde e higiene das dadoras e o controlo serológico do leite é feito pelo Instituto Português do Sangue.
Os bebés prematuros são os que mais beneficiam desta dádiva, mas também os filhos de mães seropositivas.
A maior parte das mães e pais receptores tem reagido bem à hipótese de os filhos serem alimentados com leite materno doado pois já estão bem informados sobre os benefícios inigualáveis deste alimento.
O Leite Humano Pasteurizado é primordialmente utilizado na nutrição
de recém-nascidos muito prematuros ou com doenças do aparelho digestivo,
quando não há leite da própria mãe ou este é em quantidade insuficiente.
Quando comparado com o leite artificial para prematuros, o leite humano pasteurizado reduz cerca de 30% (1/3) o risco de enterocolite e cinco vezes o risco de intolerância alimentar.
De referir ainda que quase metade das dadoras não tiveram os seus filhos na MAC: «Mostra que o banco de leite acaba por ser um departamento aberto e disponível para receber e dar a uma população muito superior à própria maternidade».




0 comentários:

 

Blog Template by YummyLolly.com